Tião da Zaeli renuncia mandato de Prefeito de Várzea Grande


Tião da Zaeli renuncia mandato de prefeito de Várzea Grande - O prefeito de Várzea Grande, Sebastião dos Reis Gonçalves, o "Tião da Zaeli" (PSD), acaba de renunciar oficialmente o mandato há exatamente dois meses e dois dias de concluir administração. O procurador geral do município, Marcos Avalone, protocolou às 18h30min o ofício explicando os motivos da renúncia no Legislativo que ainda não foram revelados.

O presidente da Câmara de Vereadores, vereador Maninho de Barros (PSD), confirmou a renúncia de "Tião da Zaeli", que se encontrou com secretários à tarde para explicar os motivos da cidade. Ele disse que provavelmente hoje ou amanhã haverá uma sessão extraordinária para leitura da carta de renúncia.

Com a saída de "Tião da Zaeli" do paço Couto Magalhães, assumirá como prefeito até 31 de dezembro o vereador Maninho de Barros. "Respeito a posição do prefeito em deixar o cargo e vamos analisar o melhor caminho para que demos continuidade aos trabalhos e preparemos a cidade para que o prefeito eleito Walace Guimarães (PMDB) assuma no dia 1º de janeiro", explicou.

Segundo Maninho de Barros, o fato de uma denúncia de cassação do mandato feita pelo ex-procurador Antônio Roque não influenciou na decisão do prefeito. O advogado alegou que "Tião da Zaeli" assumiu em 2009 como vice-prefeito de Murilo Domingos (PR) de forma ilegal, pois não havia se afastado das suas empresas particulares.

Já com discurso de prefeito, Maninho de Barros disse que a prioridade nos dois próximos meses será amenizar o caos na saúde. Ele também garantiu que os salários serão mantidos em dia.
Se fosse cassado pelos parlamentares, "Tião da Zaeli" ficaria inelegível por oito anos por conta da Lei da Ficha Limpa. Ele tem intenções de disputar uma cadeira na Assembleia Legislativa ou Câmara Federal, em 2014.

Quatro prefeitos
Os últimos quatro anos foram de extrema turbulência política em Várzea Grande. O prefeito reeleito Murilo Domingos foi afastado por várias vezes e acabou sendo cassado.

Já o vice-prefeito "Tião da Zaeli" assumiu em definitivo em agosto de 2011. Agora, ele renuncia após não conseguir reeleito em outubro.

O vereador João Madureira (PSC), que era presidente da Câmara no ano passado, administrou a cidade por quase 40 dias. Com a posse de Maninho de Barros, a cidade terá o quarto prefeito em quatro anos.

Fonte: O Documento

Gostou? Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário