Júlio Campos diz que filho fala 3 idiomas e está pronto para ser prefeito de Várzea Grande


Eleições 2012 em Várzea Grande - Iniciando as articulações para o pleito deste ano, o deputado federal Júlio Campos (DEM) rasga elogios ao próprio filho e pré-candidato a prefeito de Várzea Grande, Júlio Neto. “Ele é jovem entusiasmado, fala 3 idiomas e tem bons contatos empresariais”, dispara. Em seguida, o democrata alfineta o irmão, senador Jayme Campos, que nos bastidores resistiria à ideia de lançar o sobrinho, e também o deputado Wallace Guimarães, pré-candidato do PMDB ao Paço Couto Magalhães. “Chega de de Jayme e Wallace, vamos dar uma oxigenada aqui”, enfatiza.

Contudo, em 2008 o próprio Júlio Campos concorreu a prefeito da cidade e amargou derrota para o então prefeito Murilo Domingos (PR), reeleito. A família Campos governou o município por 20 anos. Apesar disso, o deputado não mede esforços para colocar um sucessor na prefeitura. “A nova geração precisa ter oportunidades. Ele (Júlio Neto), é muito dedicado! Sai de casa às 6h da manhã para percorrer os bairros e ver o que é melhor para a cidade”, exalta.

Assim como Wallace e Jayme, o prefeito da cidade, Tião da Zaeli (PSD), também é criticado por Júlio. Ele chegou, inclusive, a chamar o social-democrata de farinheiro. “Aquele farinheiro é um ganhador de dinheiro, começou vendendo amendoim e agora está como prefeito por consequência do destino”, dispara o democrata.

O deputado aproveitou o encontro da cúpula do DEM, no final de janeiro, para dizer que pretende articular um movimento cobrando o acompanhamento pelo Ministério Público da venda do Departamento de Água e Esgoto do município (DAE). Fonte: RDNews

Siga Folha de Várzea Grande no twitter: @bomdiamt

Gostou? Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário