Funcionária de Wallace Guimarães na prefeitura de V. Grande é quem recebia mais de 9 mil reais


Pareceu estranho e ninguém perguntou o porque do silêncio sepulcral do deputado Wallace Guimarães sobre os últimos acontecimentos em Várzea Grande.

Wallace não disse nada sobre o afastado Murilo Domingos, e muito menos sobre o que assumiu, João Madureira.

Sua leniência suscitou dúvidas, e imaginava-se até que Wallace estava com medo da pistola do Madureira.

Mas o que ocorreu, na verdade, é que Madureira não só tinha uma pistola apontada para o peito de Wallace, como um canhão inteiro.

A bala na agulha, guardada até o momento a sete chaves, e somente revelada agora, com exclusividade por esta coluna é que:

A faxineira da prefeitura denunciada com salário de marajá, que recebia mais de 9 mil reais por mês, se trata, na verdade, de uma funcionária de Wallace Guimarães, e fora indicada por ele.

O detalhe é que a mulher, arrolada em um processo, entre os muitos abertos contra Murilo, nem sabia que era funcionária da prefeitura. Ou seja, alguém estava roubando este dinheiro.

Ministério Público, lideranças, corregedoria, polícia e todos aqueles que no cargo fiscalizatório ou investigativo estiverem, pelo bem do povo varzea-grandense: assumam o caso!

Gostou? Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário