Prova do Enem: tire dúvidas e saiba como controlar ansiedade

Uma das primeiras recomendações dos especialistas para controlar a tensão da prova é pesquisar sobre o local. Se o aluno ainda não conhece a escola em que fará o teste, pode aproveitar a sexta-feira para isso. A coordenadora do Cursinho da Poli, Alessandra Venturi, afirma que muitas pessoas perdem o horário do exame porque não sabem como chegar no centro de avaliação ou calculam errado o tempo do percurso.

Controlar a ansiedade ajuda no bom desempenho na prova do Enem

“ É fundamental ir antes ao local de prova. Nos finais de semana o transporte público funciona em horário alterado, o aluno deve se informar sobre isso também. Se for de carro, precisa verificar onde vai estacionar”, declarou em entrevista ao portal R7.

Alessandra acrescenta que é importante chegar pelo menos 40 minutos antes do fechamento dos portões, para que o vestibulando "dê uma respirada" antes do exame. Além disso, chegar ao local com pouco tempo de antecedência é arriscado, pois o estudante pode pegar muito trânsito na rua e "dar de cara" com os portões fechados.

Para o médico e terapeuta Gilberto Katayana, a véspera do exame deve ser usada para descansar. Não dá mais tempo para aprender o conteúdo escolar - mas, mesmo assim, é comum os alunos decidirem revisar as matérias pela última vez, diz ele.

“Estudar um dia antes só faz com que o candidato vá cansado para a prova, e com a cabeça cheia. Não dá mais tempo de aprender. Descanse. Se alimente bem e tente dormir cedo. Nada de balada”, explica.

Professor de história do COC, Miguel Castro dá uma ideia para o candidato relaxar: ver um bom filme na noite anterior à prova. Isso pode ajudar até na hora de responder as questões, diz ele. Relaxar com um filme que discuta assuntos que podem cair na prova é uma boa opção. Depois disso, "é confiar no que estudou" e contar com um pouco de sorte.

Saiba como será o Enem

A prova vai começar às 13h (horário de Brasília) em ambos os dias de prova. Os portões vão ser abertos às 12h30 e serão fechados às 12h55 - não será permitido entrar depois disso nas salas do exame.

O Enem, que passou por diversas mudanças no ano passado, vai ser composto por 180 questões de múltipla escolha - 90 no dia 6 de novembro (45 de ciências da natureza e 45 de ciências humanas) e 90, mais uma redação, no dia 7 (45 de linguagens e 45 de matemática).

Não é permitido usar celular, relógio e MP3 Player durante o exame e lápis. O estudante é orientado pelo MEC (Ministério da Educação) a levar apenas caneta de tinta preta e documento de identidade na hora da prova. O ministro da Educação, Fernando Haddad, prometeu que as questões terão textos e enunciados mais curtos neste ano.

No dia 6, sábado, das 12 horas às 16h30 – Ciências Humanas e suas Tecnologias e Ciências da Natureza e suas Tecnologias. E no dia 7, domingo, das 12 horas às 17h30 – Linguagens, Códigos e suas Tecnologias, além de Redação, e Matemática e suas Tecnologias.

Haverá atendimento especial para pessoas com deficiência e diferenciado para pessoas que guardam o sábado, mulheres que amamentam, etc. Mas apenas para quem informou a deficiência reconhecida em laudo médico ou o elemento que motiva o atendimento diferenciado, destacando o auxílio necessário.

O inscrito deve se dirigir ao local de prova indicado no cartão de confirmação da inscrição portando: documento de identificação original; cartão de confirmação da inscrição enviado via postal pela Empresa Brasileira de Correios e disponibilizado na página de acompanhamento do inscrito; caneta esferográfica de tinta preta. Não deve levar celular e calculadora. Com R7 e MEC.

Gostou? Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário