Eleições 2008 em Várzea Grande

O dia das mães e os candidatos a


prefeito de Várzea Grande em 2008.

Hoje é domingo, dia das mães, é um tempo muito gostoso para reunir a família, bater papo, saborear um almoço delicioso, do jeitinho especial que a família gosta.

Enquanto chega um de um lado, outro de outro, nós que estamos do lado de cá da ponte, ou das ponte e do Rio Cuiabá, aproveitamos o tempo pra bater papo, e aí se formam várias grupinhos, eu pertenço aquele que gosta de falar em política, isso mesmo, política, eleições, candidatos, afinal não sei que graça que nosso pequeno grupo acha nesse tema.

Bem mais é só a gente se juntar que o assunto flui naturalmente, então estávamos conversando sobre os nomes que estão em evidência como pré –candidatos a prefeito de Várzea Grande. E é aí que a coisa pega, cada um do grupo tem uma ou mais informação, de fontes dignas de confiança, sobre a candidatura do atual prefeito, Murilo Domingos, à reeleição, o Maksuês Leite, o Julio Campos e agora por último o Dito Loro.

Mas um nome importante ficou fora desta lista, o conhecido Dr. Wallace, então, ele era candidatíssimo até a poucas horas e já não é mais?

Então, pelas informações que um dos membros de nossa “rodinha” conseguiu levantar, já está tudo resolvido dentro do DEM, e o doutor entra de corpo, alma e sapato e roupa branca na campanha de Júlio Campos.

Eu, por outro lado, vi e ouvi o Senador Jaime Campos, numa entrevista concedida ao vivo a um outro ex concorrente seu a prefeitura, o Lino Rossi, que hoje é um dos apresentadores do Jornal de Mato Grosso, na Tv Rondon, canal 5, dizendo que seus tanques de guerra estão fazendo os últimos detalhes de manutenção e ele entrará de corpo, alma e os tanques na campanha do seu irmãozinho muito querido, Júlio Campos.

Eu fiquei com uma dúvida, que tanques são esses, e o que papel afinal ele desempenharão na campanha?

Bem, dias atrás, uma pessoa que já foi vereador em Várzea Grande, e se diz conhecer um pouco a engrenagem da coisa, me confidenciou que Maksuês Leite não será candidato, mesmo com o ótimo desempenho apresentado nas pesquisas, agora um membro de nossa “rodinha” nos deu informação semelhante, que Macksuês desistirá da candidatura para o bem da família Campos, da qual ele faz parte. Essa pessoa nos disse detalhes dessa “negociação” mas prefiro não publicar aqui.

Nesse cenário, então só teríamos 3 candidatos, Julio Campos, Murilo Domingos e Dito Loro. Mas eu ouvi do próprio Dito Loro, numa participação no Programa Ponto de Vista, também do canal 5, apresentado por Onofre Júnior, que ele está candidato, mas aberto a negociações, tanto para receber como para dar apoio.

Bem, nesse cenário poderíamos então imaginar que Loro pode apoiar tanto a Murilo Domingos, cuja administração ele participou e defende, ou Júlio Campos, em nome de um acordo entre o DEM de Cuiabá, nesse caso apoiando a reeleição de Wilson Santos, e o PSDB de Várzea Grande, que digamos na verdade não tem muitas pretensões por aqui neste pleito.

Olhando para esse cenário, teríamos dois candidatos a prefeito de Várzea Grande nas eleições 2008. Júlio Campos, cuja política corre por suas veias, e a reeleição de Murilo Domingos, que para não ser cassado conforme Jaime Campos determinou a seus vereadores fieis, fez um acordo com Jaime, em nome da “governabilidade”, onde Jaime colocou a sua turma de confiança para vigiar as ações de Murilo e seus secretários e auxiliares, para emperrar o máximo que fosse possível os projetos, alias bons projetos, que traiam mais desenvolvimento, infra-estrutura, e bem estar aos cidadãos de Várzea Grande.

Nesse cenário, Jaime navegaria tranqüilo, trabalharia pro irmão, mas no fundo, no fundo, acharia até bom se Murilo fosse reeleito. Pois com a idade que já tem, e as experiências adquiridas em várias esferas por onde passou, pode se rebelar e não obedecer cegamente as coordenadas de Jayme, que poderia prejudicar seu projeto de se lançar candidato a governador em 2010.

Hoje é dia das mães, vou ver o que restou de gostoso na parte da manhã e fazer um lanchinho. Mas volto em breve a escrever mais detalhadamente sobre os prós e contras de cada candidato em nossa querida Cidade Industrial. Se é que teremos candidatos, ou alguém seja feito prefeito por aclamação.

Gostou? Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário