Eleições 2008, Júlio diz que não tem dinheiro para pesquisa

Wallace quer esposa na vice

JÁ ESTÁ TUDO ACERTADO EM VG?


O ex-conselheiro do Tribunal de Contas, Júlio Campos, não pagou ainda a sua parte, em torno de R$ 19 mil, para cobrir as despesas para contratação da pesquisa junto ao Instituto Brasileiro de Opinião (Ibope), que – juram os democratas – servirá para decidir quem será o candidato do partido a prefeito de Várzea Grande. A disputa está entre Campos e o deputado estadual Wallace Guimarães, que, segundo fontes envolvidas na transação, já teria depositado a sua parte. Júlio só teria “disponibilidade” financeira depois do mês de maio, segundo alegaram.



Os plantonistas que acompanham o assunto lembraram que o Ibope não tem boas lembranças de pesquisas realizadas em Mato Grosso. Num passado não tão distante, o instituto chegou a ser contratado, realizou o trabalho, mas na hora de receber, a verba arrecadada acabou tomando outro destino. O que teria promovido a irritação de Carlos Augusto Montenegro, então diretor do Ibope – hoje presidente do Botafogo. Oficialmente, no DEM, ninguém fala sobre o assunto.



Há quem garante que Júlio Campos aceitou a pesquisa como critério apenas para evitar que Wallace Guimarães torne público o seu apoio político a um adversário. Na verdade, dentro do DEM ninguém, a não ser Wallace e seus poucos aliados, acreditam que a questão ainda esteja em debate. Para a grande maioria, inclusive na própria cúpula, a “fatura” está liquidada: Júlio é o candidato.



Até mesmo Jaime Campos, que, a princípio, mostrou-se resistente ao projeto do irmão de deixar o TCE para ser candidato a prefeito, na sucessão de Murilo, já está devidamente integrado. Campos, o senador, tem dito a interlocutores que o irmão mais velho é do grupo político e, se tiver que ficar com alguém, ficará com alguém do grupo – o que é, politicamente, justificável.



O próprio Wallace, em verdade, já teria assimilado a derrota política dentro do DEM. Ao aceitar permanecer fazendo o jogo das pesquisas, Guimarães, estaria, segundo essas fontes, negociando uma posição mais adequada internamente. Uma delas seria a indicação do candidato a vice, no caso, a sua esposa, Jacqueline Guimarães.


Autor: Valdemir Roberto
Fonte: Blog do Valdemir http://www.24horasnews.com.br

Gostou? Compartilhe:

0 comentários:

Postar um comentário